CONSTIPAÇÃO OU PRISÃO DE VENTRE



Atualmente, é muito comum as pessoas reclamarem sobre o funcionamento intestinal. Normalmente, relatam sensação de inchaço abdominal, gases que não conseguem liberar e alterações de humor. A maioria delas refere que seu intestino não funciona regularmente e, por isso, necessitam de auxílio de laxativos.

Por que isso ocorre?
Normalmente, esses sintomas são sinais claros dados pelo organismo de que a pessoa está com uma alimentação inadequada, desequilibrada em fibras e em líquidos.
Quando o hábito alimentar tem essa característica, a pessoa se queixa de suas fezes serem endurecidas e de sentir dificuldade de evacuar. Isso ocorre, pois o intestino, sem a fibra e os líquidos em quantidade adequada, tem mais dificuldade para processar o alimento, que fica retido, ressecado e mais resistente à eliminação.
O erro alimentar é uma das causas prováveis que pode desencadear a constipação intestinal. Para ter essa certeza, o ideal é agendar uma consulta médica para avaliar os sintomas. Após a modificação dos hábitos alimentares, na maioria das vezes, o funcionamento intestinal normaliza. É importante ressaltar que, após incorporados os bons hábitos, esses devem ser mantidos pelo resto da vida, para que as complicações percebidas anteriormente não tornem a acontecer.

Por que é bom evacuar? 
Várias bactérias presentes no intestino ajudam a decompor os nutrientes para o organismo. Algumas substâncias ingeridas, muitas delas tóxicas, não podem ser decompostas e precisam ser eliminadas. Se permanecerem no organismo por muito tempo, causam prejuízos e lesões que podem levar, a longo prazo, ao desenvolvimento de um tumor.

A frequência ideal: evacuar pelo menos uma vez ao dia é o ideal, mas não há uma regra fixa. Há pessoas que evacuam com menos frequência e não têm problemas.
Cada um deve encontrar a frequência ideal e buscar ajuda quando sentir desconforto. O ideal é uma avaliação médica e nutricional quando esses sintomas são constatados.

Medicamentos x Constipação: os medicamentos classificados como laxativos, quando usados com frequência, fazem com que o organismo se acostume a evacuar somente com o seu uso e também podem causar diarréia, cólica abdominal, perda de vitaminas lipossolúveis (A, D, E, K), caroteno, complexo B, vitamina C, perda de cálcio e potássio, além da perda excessiva de água, vindo a prejudicar ainda mais a saúde.


“Que teu alimento seja o teu remédio e que teu remédio seja o teu alimento.” (Hipócrates)


• Abaixo, seguem algumas receitinhas ricas em fibras que podem começar a fazer parte de seu cardápio diário e auxiliá-lo em relação ao seu funcionamento intestinal:

1) Salada de frutas tropicais:
-2 maçãs
-1 copo de suco de laranja
-2 bananas
-½ mamão
Descascar as frutas e cortá-las em cubos. Acrescentar o suco de laranja e servir gelado.


2)Suco de maçã e pera:
-2 maçãs
-1 pera
Bata os ingredientes no liquidificador com água gelada. Se possível, não coar.


3)Salada primavera:
-5 folhas de alface
-1 pires de agrião ou rúcula
-1 beterraba ralada ou 1 pires de repolho ralado
-tomate em tiras
-1 colher de sobremesa de azeite de oliva 
-vinagre a gosto
-1 pitada de sal
Juntar todos os ingredientes e, por último, acrescentar o azeite, o vinagre e o sal.


Fabiana dos Reis Ayres
Nutricionista
CRN2 6314
Especialista em Nutrição Clínica e Terapêutica Nutricional.
Especialista em Qualidade de alimentos
Autora do livro e cd "Lili e a alimentação saudável".
Idealizadora do Espetáculo teatral musical infantil "Lili e o desafio da pirâmide alimentar".

Publicado em 2010





Voltar





    


RS Host - Desenvolvimento de Site Grátis com Hospedagem em Porto Alegre RS